quarta-feira, 24 de agosto de 2016

AMOR À FLOR DA PELE - 2000

Fa yeung nin wa, 2000
Legendado, Kar-Wai Wong
Clique na imagem para ver o trailer

Formato: mkv
Áudio: cantonês/shanghainese (Wu language)/francês
Legendas: português
Duração: 1h 38min.
Tamanho: 987 Mb
Servidor: Uplea (Parte única)

LINK

SINOPSE
Chow Mo-Wan (Tony Leung), editor de um jornal, se muda com sua mulher para um novo prédio. Quase ao mesmo tempo, Su Li-Zhen (Maggie Cheung), uma linda secretária, e seu marido, um executivo, também se mudam para o mesmo edifício. Com seus companheiros frequentemente viajando a trabalho, Chow e Li-Zhen passam quase todo tempo juntos, como bons amigos. Eles têm muito em comum, desde compras até artes marciais. Logo, ficam chocados ao descobrir que seus companheiros estão tendo um caso. Machucados e irritados, encontram conforto em sua crescente amizade, mesmo quando resolvem não fazer o que os dois infiéis fizeram.

Fonte: Filmow
The internet movie database: IMDB - NOTA IMDB: 8.1

ANÁLISE

"Viver essa vida é mais um lembrar-se indireto
dela do que um viver direto. Parece uma
convalescença macia de algo que no entanto
poderia ter sido absolutamente terrível"
Clarice Lispector, Água Viva

Amor à Flor da Pele é estupendo. Esse que muitos críticos têm considerado o melhor trabalho de Wong Kar-wai é, talvez, o mais belo filme do ano. Um dos mais proeminentes diretores de Hong Kong, Wong conseguir criar uma obra delicada e arrebatadora, em que mais uma vez faz, de maneira exemplar, o universal emergir do particular.

Hong Kong, 1962: época de mudanças – a Revolução Cultural na China mexeu com a vida de muitas famílias (a de Wong, por exemplo, saiu de Xangai nesse período), e o inchaço populacional combinado à situação econômica do lugar fez com que muitas pessoas precisassem alugar quartos em casas de outrem. E é justamente em torno de dois casais que sublocam quartos em apartamentos vizinhos que é construído Amor à Flor da Pele: umlove affair entre dois dos cônjuges acaba por aproximar as partes traídas, no caso a sra Chan (Maggie Cheung, divina), uma secretária, e o sr Chow Mo-wan (Tony Leung, maravilhoso), um jornalista.

A atmosfera que paira sobre os lugares que eles freqüentam já é um bocado concupiscente, e isso se nos aparece nas relações que travam em seus empregos: Su Li-zhen (a sra Chan) ajuda o chefe a driblar a esposa para que este consiga se encontrar com a amante (em um momento, inclusive, quando encarregada de comprar presentes para ambas, diz que podem ser a mesma coisa, já que não faz mesmo diferença – triste ironia, pois que são exatamente duas bolsas iguais o motivo que a faz ter certeza da traição do marido); o maior amigo do sr Chow, Ping, por sua vez, arma planos mirabolantes para conseguir se encontrar com uma mulher casada e é capaz de dar calote em um lupanar.
Su Li-zhen e Mo-wan começam a travar contato por causa de sua desconfiança: o homem convida a bela vizinha para um café de modo a tentar descobrir algo e eles, juntos, acabam por ter certeza de que estão sendo traídos. A partir daí, desde que os amantes estão viajando, os dois começam a passar cada vez mais tempo juntos e o que era formalidade acaba dando lugar a sentimentos profundos porém contidos: "Não seremos iguais a eles" diz a sra Chan em determinado momento ao sr Chow, claramente refreando seu amor por não querer repetir os atos de seu marido.

Continue lendo em Contracampo

Screenshots

terça-feira, 23 de agosto de 2016

CIDADE DOS SONHOS - 2001

Mulholland drive, 2001
Legendado, David Lynch

Formato: avi
Aúdio: inglês/espanhol
Legendas: Pt-Br
Duração: 147 minutos
Tamanho: 1,55 GB
Servidor: Uplea (Parte única)

LINK

SINOPSE
Um acidente automobilístico na estrada Mulholland Drive, em Los Angeles, dá início a uma complexa trama que envolve diversos personagens. Rita (Laura Harring) escapa da colisão, mas perde a memória e sai do local rastejando para se esconder em um edifício residencial que é administrado por Coco (Ann Miller). É nesse mesmo prédio que vai morar Betty (Naomi Watts), uma aspirante a atriz recém-chegada à cidade que conhece Rita e tenta ajudar a nova amiga a descobrir sua identidade. Em outra parte da cidade o cineasta Adam Kesher (Justin Theroux), após ser espancado pelo amante da esposa, é roubado pelos sinistros irmãos Castigliane.

Fonte: Adorocinema
The Internet Movie Database: IMDB - NOTA IMDB: 8.0

Screenshots

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

A MULHER DA AREIA - 1964

Suna no onna, 1964
Legendado, Hiroshi Teshigahara 
Clique na imagem para ver o trailer

Formato: AVI
Áudio: japonês
Legendas: português
Duração: 2h 30min.
Tamanho: 704 Mb
Servidor: Uplea (Parte única)

LINK

SINOPSE
Um entomologista amador resolve sair da cidade e passar o fim de semana numa área desértica do Japão, a fim de coletar insetos raros. Ele pernoita numa casa onde habita uma estranha mulher. Logo ele vai perceber que caiu em uma armadilha, a qual não existe saída.

Fonte: Filmow
The internet movie database: IMDB - NOTA IMDB: 8.5

Screenshots

quarta-feira, 17 de agosto de 2016

O HOMEM QUE PLANTAVA ÁRVORES - 1987

L'homme qui Plantait des Arbres, 1987
Legendado, Frédéric Back

Formato: AVI
Áudio: francês
Legendas: português
Duração: 30 min.
Tamanho: 372 Mb
Servidor: 1Fichier (Parte única)

LINK

SINOPSE
O filme, baseado num belíssimo conto do francês Jean Giono, de 1953, foi realizado por Frédéric Back, considerado por muitos um gênio da arte e da animação.
Conta a estória de Elzeard Bouffier, um pastor de ovelhas que durante anos cultivou uma floresta esplendorosa numa área desértica da França.
O conto é narrado por um jovem viajante (o esplêndido Philippe Noiret, no áudio francês), que um dia encontra este homem nas suas viagens e acompanha a mudança na paisagem no decorrer dos anos.
A beleza calma da paisagem contrasta com a fúria das duas Grandes Guerras que o narrador assiste e o feito notável do pastor oferece um olhar do poder inspirador da natureza e da esperança, que podem emergir no mais improvável dos lugares.
Fonte: Filmow
The internet movie database: IMDB - NOTA IMDB: 8.6

Screenshots

terça-feira, 16 de agosto de 2016

O MARTELO DAS BRUXAS - 1970

Kladivo na carodejnice, 1970
Legendado, Otakar Vávra 
Clique na imagem para ver o trailer

Formato: AVI
Áudio: tcheco
Legendas: português
Duração: 1h 43min.
Tamanho: 989 Mb
Servidor: Uplea (Parte única)

LINK

SINOPSE
A história do filme é baseada no livro de Václav Kaplicky, Kladivo na Čarodějnice (O Martelo das Bruxas, 1963), um romance sobre julgamentos de bruxas no norte da Morávia durante a década de 1670. As imagens são de um preto e branco alegórico e cheias de símbolos. Tudo começa com uma ação trivial de uma pobre velha, que desemboca numa espiral de acusações, mergulhando a comunidade no caos total.

Fonte: Filmow
The internet movie database: IMDB - NOTA IMDB: 8.1

"Martelo das Bruxas" orientou séculos de perseguição às mulheres

Katharina Henot foi a primeira. Depois que, em 1627, a influente comerciante foi condenada e executada por "magia maléfica", iniciou-se uma avalancha de processos por bruxaria na cidade alemã de Colônia: nos três anos seguintes, pelos menos 24 mulheres foram acusadas e mortas.
Cento e quarenta anos antes, um monge dominicano estabelecera os fundamentos para identificação e perseguição às feiticeiras, naquilo que hoje se chamaria um best-seller: o Martelo das Bruxas –Malleus maleficarum ou Der Hexenhammer. O tratado compilava o saber e os medos da época, fornecendo os argumentos necessários àqueles que acreditavam na caça às bruxas.
Hoje, o Conselho Municipal de Colônia se ocupa da reabilitação oficial de Katharina Henot. A Deutsche Welle conversou com a historiadora Irene Franken, natural da cidade renana, sobre um dos livros mais infames jamais publicados.
Deutsche Welle: Em 1486, o monge dominicano Heinrich Kramer redigiu o Martelo das Bruxas. O que ele contém exatamente?
Irene Franken: Do ponto do vista do conteúdo, o Hexenhammer se compunha por três partes. Primeiro explicava-se como identificar bruxas – ou melhor "magas", pois a palavra "bruxa" [Hexe, em alemão] ainda não era reconhecida e difundida de forma ampla. Na segunda parte do livro, Kramer enumerava, através de histórias exemplares, o que essas supostas magas eram capazes de fazer para prejudicar as pessoas. E, na terceira parte, explicava como deviam transcorrer os processos contra essas mulheres malvadas.
Que processos eram esses?
Os processos da época mudaram de perfil, através desse livro. Até então, quem denunciava alguém corria, ele mesmo, perigo de ir preso, até o processo ter-se concluído. Com seu Martelo das Bruxas, Heinrich Kramer cuidou para que se pudesse denunciar sem ser inculpado ou punido, caso as acusações fossem falsas.
Via de regra, todo o esclarecimento do caso era entregue a juízes eruditos – ou por vezes laicos – que então se encarregavam da busca por indícios. Não era permitido nenhum tipo de assistência legal – como sabemos por um caso em Colônia, onde uma comerciante tentou apelar para seu advogado. E as acusadas – pois eram geralmente mulheres – se viam diante de um esquadrão masculino que não hesitava a mandar despi-las, na procura por supostas marcas de bruxa, as quais então serviam como indício para sua "natureza mágica".
O que se sabe sobre o monge Heinrich Kramer?

Ele fora designado pelo Papa como inquisidor no sul da Alemanha. De fontes isoladas, sabemos que nem sempre foi bem sucedido em suas incursões a diversas cidades, onde afixava uma nota ou cartaz à porta das igrejas, exigindo a denúncia de todas as "magas". Em certos casos, ele chegou a ser expulso sob pancadas. Parece ter sido uma espécie de ato de vingança, ele iniciar essa campanha contra as mulheres, através do Martelo das Bruxas.
Continue lendo em dw
Screenshots

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

I AM GUILTY - 2005

Falscher Bekenner, 2005
Legendado, Christoph Hochhäusler
Clique na imagem para ver o trailer

Formato: AVI
Áudio: alemão
Legendas: português
Duração: 1h 34min.
Tamanho: 727 Mb
Servidor: Uplea (Parte única)

LINK

SINOPSE
Falscher Bekenner, a opressiva, precisa e amarga comédia de Christoph Hochhäusler, sarcástica em muitas passagens, triste em outras, mas sempre amavelmente desencantada. O que se observa nesse filme de Hochhäusler, considerado uma dos melhores filmes de 2004, é que a depressão aqui não é algo que conduz a uma catarse, mas algo que não é possível. Simplesmente é necessário seguir em frente. 

Fonte: artechock.de
The internet movie database: IMDB - NOTA IMDB: 6.4

Screenshots

sábado, 13 de agosto de 2016

O DESERTO VERMELHO - 1964

IL DESERTO ROSSO, 1964
Legendado, Michelangelo Antonioni
Clique na imagem para ver o trailer

Formato: AVI
Áudio: italiano
Legendas: português
Duração: 120 min.
Tamanho: 1,06 gb
Servidor: Uplea (Parte única)

LINK

SINOPSE
Chuva, neblina, frio e poluição assolam a cidade industrial de Ravenna, na Itália. Ugo, o gerente de uma usina local, é casado com Giuliana, uma dona de casa que sofre de problemas psicológicos. Numa viagem à Patagônia, ela conhece o engenheiro Zeller, o que pode mudar sua vida. Em O Deserto Vermelho, Antonioni, no auge de sua forma, aborda os temas centrais de sua filmografia: a incomunicabilidade e a solidão do homem contemporâneo.

Crítica: Contracampo
The internet movie database: IMDB - NOTA IMDB: 7.6